Você sabe qual é o seu relógio biológico?

Descobrir seu cronotipo é o primeiro passo para uma vida mais produtiva.

compreenda a importância de conhecer o seu relógio biológico, explorando como os padrões circadianos podem impactar o bem-estar e a produtividade.

Você já se questionou por que alguém consegue estar tão focado à noite, na faculdade, enquanto você já está muito cansado? Ou, de repente, você é o tipo de pessoa que não consegue sair cedo da cama, muito menos acordar bem disposto às 6h da manhã, enquanto outras pessoas preferem levantar mais cedo para treinar, correr etc. O que nos faz tão diferentes assim é o nosso cronotipo, ou seja, o nosso relógio biológico.

Segundo o Instituto Internacional de Melatonina (IiMEL), da Universidade de Granada, na Espanha, o cronotipo é uma predisposição natural que cada indivíduo tem de sentir picos de energia ou cansaço de acordo com a hora do dia. Entendendo melhor qual é o seu cronotipo, você precisará aprender a respeitá-lo, e assimilar que se você não é o tipo de pessoa que consegue levantar cedo, não vai adiantar fazer aquela promessa de estudar para um concurso todos os dias de manhã, antes de ir trabalhar, por exemplo.

Os cronotipos são três: matutino, vespertino e intermediário. Os matutinos correspondem a cerca de 25% da população mundial, e são aqueles que preferem dormir às 22h e acordar por volta das 6h. Os vespertinos também são cerca de 25% dos indivíduos e acabam dormindo entre 3h e 11h. Já os intermediários são a maioria: dormem à meia-noite e estão bem dispostos às 8h da manhã. Conseguiu se identificar com algum desses cronotipos? Então, vamos nos aprofundar.

O psicólogo clínico Michael Breus distingue quatro tipos de perfis do sono em seu livro O poder do Quando: o Urso, o Leão, o Golfinho e o Lobo. Ele desenvolveu um teste de identificação de perfil. Antes de indicar o teste, vamos conhecer um pouco cada um dos perfis.

  • Golfinhos: são pessoas que ficam cansadas o dia todo caso precisem acordar cedo e ir trabalhar, por exemplo. No final do dia, porém, começam a ganhar energia, e as atividades mais criativas acontecem durante a noite, o que faz com que durmam menos.
  • Leões: acordam bem cedo, às vezes antes do sol nascer. São enérgicos, mas se cansam no final da tarde, dormindo facilmente. A parte da manhã, até o meio-dia, é o período mais produtivo.
  • Ursos: gostam de dormir muito. Apertam o botão “soneca” várias vezes antes de se levantarem e, se puderem, cochilam em diversas oportunidades do dia. O período mais alerta é no final da manhã e no início da tarde.
  • Lobos: têm bastante dificuldade de levantar antes das 9h da manhã, mas depois do meio-dia, a energia é alta até a noite, sendo mais produtivos no final da tarde e à noite.

Agora que você já leu um pouco sobre cada um dos perfis, faça o teste e descubra qual é o seu cronotipo!

Precisa de ajuda?